segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Dia 1

Acordo ás 4h da manha e choro, olho para o telemovel e vejo que não tinha la nada, nada teu, simplesmente nada, choro ainda mais. Penso em tudo, no bom e no mau, e mesmo assim choro.

Estou desde as 4h da manha a espera de uma noticia tua qualquer coisa teu, é uma dor tao grande no peito, tento dormir e mesmo assim continuo a não conseguir, já não consigo dormir, mesmo que quisese o meu estomago doi como tudo, ya eu sei a culpa e minha disso.

Mesmo que eu queira eu não consigo deixar de ter esta dor no peito esta necessidade, esta preocupação, preciso de ti como nunca precisei de outra pessoa em toda a minha vida, amo-te como nunca amei outra pessoa na minha vida, preciso de ti, aqui do meu lado, preciso de ti para continuar a puder ser feliz, como só tu me ensinas-te a ser.

Tenho orgulho em ti

Sem comentários:

Enviar um comentário